Agenda

Show Musical comemorando 70 anos de vida desse artista maravilhoso, responsável por diversos sucessos dos Novos Baianos e atualmente lançando seu mais novo trabalho, intitulado de “”Cantador”” Remetendo-se às influências que sofreu durante sua formação musical, Moraes relembra os tempos de infância e adolescência em sua cidade natal, Ituaçu (em que também Gilberto Gil cresceu), no sertão da Bahia, cantando os baiões “Respeita Januário” e “Asa Branca”, ambos de Luiz Gonzaga (com letras de Humberto Teixeira), que costumava ouvir nos altofalantes locais. E rememora a época em que foi para a capital Salvador e sofreu o impacto da obra de Dorival Caymmi, de quem ele apresenta “Samba da Minha Terra” e “Maracangalha”.
Tendo começado sua longa trajetória compositória ao lado de um letrista da envergadura de Luiz Galvão, Moraes Moreira foi ganhando um domínio da linguagem poética aplicada à música cada vez maior, o que contribuiu decisivamente para ele adquirir uma voz individual como criador de músicas e letras conjugadas. Ao mesmo tempo, porém, nunca deixou até hoje de contar com outros colaboradores excepcionais na parte da poesia. Refiro-me a letristas como Abel Silva e Fausto Nilo, além de figuras advindas do campo literário mesmo, como os poetas Antonio Risério e Paulo Leminsky. É em homenagem a esses parceiros todos que ele inclui no presente espetáculo uma canção só de Leminsky (letra e música), “Valeu”.

Duração: 75 minutos | Classificação: Livre

Moraes Moreira – Voz e Violão

Programação sujeita a alteração.

Veja mais