Agenda

JOGADO – Como uma metáfora para a vida JOGADO se vale dos jogos para mostrar por meio do balé, as dinâmicas do cotidiano. A estrutura dos jogos aparecem como pano de fundo para construção do sentido da obra e alguns dos seus movimentos podem ser reconhecidos na dança,nos intérpretes e na sua relação com o espaço.JOGADO retrata a vida como uma espécie de tabuleiro,onde os bailarinos mostram as muitas jogadas aplicadas nas experiências diárias,traduzindo sobre este olhar,aspecto de situações que vivemos a cada instante.A obra também revela diferentes reações dos jogadores em relação ao jogo no decorrer da vida. As referências mencionadas no palco incluem jogos tão distintos como futebol, xadrez, vôlei e o baralho. Dentro das regras da arte, JOGADO propõe um jogo recriando estrutura conhecidas, diferentes jogos e esporte com o intuito de se apontar para certas regras da vida.

Duração: 55 minutos | Classificação: Livre | Entrada gratuita. No caso de espetáculos em salas fechadas, os ingressos serão distribuídos com uma hora de antecedência, sempre sujeito à lotação.

Direção Geral: Roberto Amorim e Tatiana Portella Coreógrafo: Roberto Amorim Elenco: Laís Moraes, Cristiano Sousa, Cinthia Bretone, Luiza Marquart, Danilo Santana, Tatiana Portella e Roberto Amorim Estagiario: Whanderson Mesquista Musicas: Trilha original Iluminação e Som: Adeiltom Conceição, MArcos Carreira e Rogério de Lima Assistente de palco: Alcidina Portella, Roberto Portella

Programação sujeita a alteração.

Veja mais